setembro 03, 2015

Das EXCELENTES iniciativas- "Devemos Dar como Queremos Receber"

Diria que 99% das pessoas tem alguma coisa em casa que já não precisa. A pensar nessa realidade os CTT lançaram a campanha "Devemos Dar como Queremos Receber". Basta levantar uma embalagem solidária (ou várias) nos CTT, incluir o que queremos dar e assinalar na própria caixa a instituição para onde queremos que seja enviada. Há caixas de 2 tamanhos diferentes e apesar das várias instituições estarem assinaladas na própria embalagem, recomendo que peçam à menina(o) do balcão que vos forneça o folheto com a lista completa.

O funcionamento é bastante simples: Leva-se a caixa para casa, enche-se, fecha-se (o melhor possível, para não abrir), assinala-se a instituição e entrega-se nos CTT. Super prático e ah é grátis! Por isso não temos mesmo desculpa para não participar! Eu já tenho duas prontas a seguir.

setembro 02, 2015

S-E-I-S na próxima Sexta-Feira

Dia 4 é dia de festa e comemoração de 6 anos de blog. Relembro que será entre as 18.30 e as 21.00, no hotel NH Liberdade, na sala Saramago e no rooftop Ático.

Esta celebração vai contar com um Sunset e com um Summer Market onde vão poder encontrar roupas, acessórios, calçado, maquilhagem, livros e outros artigos, cuja parte das vendas reverterá a favor da "Animalife- A criar histórias felizes”. O Summer Market conta também com o apoio da Mary Kay, por isso todas(os) que efectuarem compras no mercado recebem um gift da marca. Uma das surpresas que posso divulgar já hoje será a presença da BodyConcept e da Depilconcept que nos presentearão com algumas ofertas.

Caso não queiram comprar nada, no local irá também haver um mealheiro para poderem contribuir para a Animalife, por isso convido-vos, uma vez mais, a se juntarem a mim para um final de tarde de Verão único! 

setembro 01, 2015

Mudar de Cabelo...

Setembro é dos meses em que mais apetece (e se deve, até) mudar, entre outras coisas de penteado. É a altura ideal para fazer "aquele" corte. Assim como na roupa em que para cada tipo de corpo existem determinadas peças que devemos ou não usar, também no cabelo o corte deve ser adaptado ao tipo de rosto que temos. Deixo algumas sugestões de acordo com cada um deles:
Rosto oval

Rosto quadrado

Rosto redondo

Rosto triangular
Imagens © Direitos reservados

agosto 31, 2015

Princípio da Semana #57

ú·ni·ca- Sem outro da sua espécie ou qualidade; Que só tem um elemento, uma unidade, um componente; Excepcional; Sem precedentes; Que não se encontra facilmente; Que é muito diferente dos outros; Especial; Incomparável.

"Ser único não é ser apenas um é ser aquele que marca, encanta e seduz". Esta frase encaixa na perfeição em Diana que nos deixou faz hoje precisamente 18 anos. A ela são atribuídas todo o tipo de qualidades e ao longo dos anos muito já se falou e disse sobre a sua vida e maneira de ser, mas para mim ela é a personificação do que significa ser única e acredito que cedo tenha tido essa consciência.

Sou a maior defensora de que cada um de nós é um Mundo, que todos somos únicos, irrepetíveis e sou totalmente contra generalizações, principalmente aquelas que estamos sempre a ouvir aqui e ali- "as mulheres isto, os homens aquilo". Por outro lado, também defendo que e apesar de não haver pessoas mais únicas que outras, há quem se destaque mais pela sua unicidade e Diana é o exemplo perfeito. Também por isso a sua memória e tudo o que fez e foi continua tão presente.

Todos nós somos únicos, não existe ninguém no mundo igual a nós. Cada um de nós tem dentro se si, um carácter, um mundo de ideais, hábitos, sonhos e manias e penso que cada vez mais é importante desmistificar que ao conceito de ser único e de nos afirmarmos como tal está associado algum tipo de presunção por parte de quem o faz. Parece que temos algum problema em afirmarmos que somos bons a fazer isto ou aquilo, que o fazemos, lá está, de forma única e só o podemos dizer ou afirmar, no social, se for como que a brincar pois "o que vão os outros pensar?..." Para mim que já o afirmo há vários anos, ser único e ser presunçoso são duas coisas totalmente diferentes. Proclamo a unicidade e penso que o descobrirmos isso em nós, a nossa unicidade, é um passo enorme na nossa auto-aceitação e no nosso relacionamento com os outros e ao fazermos essa afirmação isso é também um passo gigantesco na construção da nossa auto-confiança. Não tenho a menor dúvida de que quanto mais nos assumirmos como seres únicos mais auto-confiantes vamos ser. Se pensarmos que todos nós gostamos de sentimentos, coisas, experiências, únicos (as) então porque não nos afirmarmos também como (seres) únicos? 

"Nunca nos devemos comparar com os outros, porque a verdade é que não existe ninguém com quem nos possamos comparar. Cada um de nós é apenas aquela pessoa particular e não existe ninguém - nem no presente, nem no passado, nem no futuro - que seja exactamente igual a nós".- Osho

Imagens © Direitos reservados

agosto 28, 2015

S-E-I-S!

É considerado o primeiro número perfeito e que pode ser escrito de forma única. Achei curiosa esta definição dado que seis é o número de anos que celebro este ano de "Babi a Única". E foram seis anos (quase) perfeitos e sem dúvida únicos! É uma frase feita, mas "parece (mesmo) que foi ontem". São seis anos de muito trabalho, de muitas lutas e conquistas. Seis anos repletos de pessoas maravilhosas que fui conhecendo e que comigo se foram cruzando. E este é o maior ganho para mim. As pessoas que conheci, as experiências que tenho tido e tudo o que tenho aprendido. (Obrigada! ).

Como forma de comemoração e de gratidão também, gostaria de vos convidar, a vocês que estão desse lado e que também fazem parte desta minha "viagem" a se juntarem a mim no próximo dia 4 de Setembro, pelas 18h30, para um final de tarde de Verão bem divertido! 

Entre outras surpresas, esta celebração vai contar com um Sunset e com um Summer Market onde vão poder encontrar roupas, acessórios, calçado, maquilhagem, livros e outros artigos, cuja parte das vendas reverterá a favor de uma associação que apoio frequentemente que é a "Animalife- A criar histórias felizes”. O Summer Market conta também com o apoio da Mary Kay, por isso todas(os) que efectuarem compras no mercado recebem um gift da marca. Tudo isto vai acontecer entre as 18.30 e as 21.00, no hotel NH Liberdade, na sala Saramago e no rooftop Ático e muito mais do que uma experiência de compras, este mercado solidário, pretende ser um momento de convívio, tendo como pano de fundo uma vista 360º sobre a nossa lindíssima cidade de Lisboa.

Mesmo que não queiram comprar nada quem quiser aparecer, mesmo que seja só para olá e um beijinho, será muito bem recebida(o)!

agosto 27, 2015

Mas o que se passa com os sapatos femininos?!

Eu sei que gostos não se discutem e que existe a máxima "primeiro estranha-se depois entranha-se", mas esta não me convence, não me convence mesmo! Li esta semana que estes novos granny shoes são o "último grito da moda". A pergunta que faço em cima é algo que já povoa a minha cabeça há algum tempo pois tenho vindo a assistir a um verdadeiro "assassinato" à feminilidade dos nossos pés. Esta "febre" de ugly shoes entre os quais saliento UGG's, Birkenstock's, Crocs (que me perdoe a marca, mas para mim, apenas deveria ser permitida a sua venda a profissionais da jardinagem e pessoas que trabalhem na área da saúde), socas (como é que alguém consegue andar em cima de madeira é algo que me transcende, mas enfim...), sapatos de corda e cunhas a torto e a direito, que é verdade até podem ser super confortáveis mas de elegantes têm muito pouco ou nada, sandálias de plataforma como as que foram grande tendência este Verão que em muitos casos têm uma altura tal que parece que andamos em cima de tijolos de plástico... Tudo isto começa já a escapar ao meu entendimento.

Mas afinal o que é feito dos sapatinhos de princesa? Dos sapatos super elegantes e femininos? Das sabrinas simples, com ou sem laço, (pessoalmente não dispenso o laço), dos stilettos clássicos?... E não vale a desculpa de todos os modelos que citei em cima serem super confortáveis, porque há milhares de modelos de sandálias e sapatos rasos e às vezes até com salto, que são super confortáveis... Os ténis tudo bem, até porque cada vez estão mais femininos e até já eu fiquei rendida e actualmente ténis para mim já não são apenas All Star, como era até há uns tempos atrás. Os meus Adidas Flux rosa com bolinhas brancas abriram todo um precedente. Mas agora, granny shoes? Say What?? Penso e na minha modesta opinião que já seria a altura de um "back to the basics"...



Imagens © Direitos reservados

agosto 26, 2015

"Embrace"- Body Image Movement

Um vídeo que todas nós deveríamos ver. São 4.59 minutos super comoventes, mas acima de tudo muito inspiradores. Um exemplo que nos fala sobre o drama que a maior parte de nós vive ou já viveu a certa altura da vida, na relação com o nosso corpo. O que começou por um problema tornou-se num movimento à escala mundial que tem como objectivo ensinar todas as mulheres a amar o seu corpo tal como é. "Embrace" é um movimento do qual, a uma pequena escala, faço parte já que o meu trabalho visa isso mesmo. O objectivo principal de um processo de Consultoria de Imagem é muito mais do que simplesmente ver roupa e aconselhar o que vestir e não vestir. É muito mais do que dizer o tipo de corpo que cada pessoa tem e o que a favorece ou não. Claro que a nossa imagem pode sempre ser melhorada mas facto é que acima de tudo existe um processo interior de auto-aceitação. Temos que aceitar e amar o nosso corpo com todas as coisas boas e menos boas que ele tem. A lição a retirar daqui é a que defendo todos os dias: "everyBODY is beautiful".



Imagem © Direitos reservados
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Babi a Única © 2009-2014. All Rights Reserved | Powered by Blogger

Blog Design por The Zero Element